Luciano Lunkes fez jantar inesquecível inspirado em Dom Quixote

Sancho Pança, personagem da obra Dom Quixote, de Miguel de Cervantes, certamente sairia deliciado do jantar preparado pelo chef Luciano Lunkes como parte do projeto Da Estante à Mesa: Literatura e Gastronomia, no Instituto Ling.




O cardápio, criado a partir de minha pesquisa em busca das citações de gastronomia presentes no livro do escritor espanhol, fez uma homenagem aos principais personagens de Dom Quixote.




O cavalo Rocinante e o jumento Ruço tiveram sua importância ressaltada no amuse bouch, que traduzido significa “divertir a boca”, com almondeguita de paella e um inesquecível mil-folhas de batatas, queijo manchego (queijo típico espanhol) e tomilho.



O Dom Quixote, que se esperaria fosse representado no prato principal, por não ser o maior apreciador da boa mesa no romance cedeu o destaque para Sancho Pança, o verdadeiro glutão. Ao cavaleiro da triste figura coube a entrada: Creme de grão-de-bico , fondue de queijo de cabra e cogumelos salteados   e pão de tinta de lula.



O prato principal, como já havia dito, representou o guloso Sancho Pança: barriga de porco marinada em salmoura de especiarias, assada lentamente e escabeche de maçãs e couves.



A sobremesa, como não poderia deixar de ser, homenageou Dulcinea Del Tromboso, a amada idealizada de Dom Quixote, mas que, na verdade, cheirava a alho e cebola. Para representá-la, churros ao pó de cardamomo com molho de doce de leite e sorvete de cebolas carameladas, laranjas e Jerez. Anel de cebola ao mel, vinho do Porto e pistaches.



A harmonização foi feita por Fabiane Aguinsky com vinhos espanhóis da MundoVino Brasil.



Aline Bonnamain  foi a auxiliar do chef Luciano Lunkes no preparo do jantar.



0 comentários:

Postar um comentário